Venda de carros importados cai 14,4% em agosto no Brasil

Carros importados a produção cai emagosto
Volvo XC40. Foto: Volvo

Alguns setores do mercado automotivo apresentaram baixas nas vendas neste último mês. Uma delas foi a venda de carros importados. De acordo com o balanço feito pela Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores (Abeifa), esta retração foi de 14,4%.

A entidade divulgou os resultados no último sábado (04/09). Ela levou como consideração a venda das onze marcas afiliadas. São elas: Aston Martin, BYD, Caoa Chery, JAC Motors, Jaguar, Kia Motors, Land Rover, Mclaren, Porsche, Suzuki e Volvo.

Carros importados
Kia Bongo (Foto: Divulgação/Kia)

Venda de carros importados cai 14,4% em agosto no Brasil

De acordo com o levantamento, elas foram responsáveis pela venda de 2.188 unidades no último mês. Uma queda considerável, considerando que foram vendidos Venda de carros importados cai de 14,4% em agosto no Brasil 2.555 veículos no últimos mês de julho.

JAC iEV20 (Foto: Divulgação/JAC)

O mesmo resultado pode ser visto ao compararmos ao mês de   agosto do ano passado. Naquele mês, a Abeifa registrou 2.707 unidades. Isso significa que o número de licenciamento deste mês foi 19,2%. No entanto, o número acumulado de vendas (de janeiro até agosto) sofreu um aumento de 5,3%. Até este atual momento, foram vendidos 17.924 carros importados. Neste mesmo momento, só que no ano passado, foram registradas 17.022 vendas de carros importados.

A Abeifa também contabiliza a venda das fabricantes filiadas que produzem carros por aqui. No caso, sobram apenas a Caoa Chery, a Land Rover e a Suzuki. Juntas, ela venderam no último mês 4.813 unidades.

Uma queda de 0,6% com relação a julho. Entretanto, a situação muda quando comparamos com o mês de agosto de 2020. Foi registrado um aumento de 74,4%. Já a venda acumulada desta categoria foi de 30.963 unidades. Uma alta de 79% com relação ao ano passado.

Leia mais: Volvo XC90 2022 ganha purificador e custa a partir de R$ 469 mil

Carros importados
Suzuki S-Cross (Foto: Divulgação/Suzuki)

Agora, se juntarmos os dois quesitos, a associação registrou a venda de 48.887 unidades vendidas até agosto passado. Um aumento de 42,5%, se colocarmos lado a lado com o resultado obtido nos oito primeiros meses de 2020.

E os números poderiam ser maiores, se não fosse a crise dos semicondutores. É isso que diz João Henrique Oliveira, presidente da Abeifa. “Os resultados comerciais das associadas poderiam ter sido melhores em agosto. Mas ainda persistem forte influência do câmbio e a falta de vários produtos de nossas marcas, por conta do abastecimento instável de insumos”.

Volvo lidera mercado de importados e Caoa Chery nos nacionais

Volvo XC60 (Foto: Divulgação/Volvo)

Este levantamento da Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores (Abeifa) também trouxe o desempenho de cada marca. Como foi dito acima, onze montadoras são filiadas a ela. E entre elas, quem se destaca é a Volvo.

A montadora teve 814 unidades vendidas em todo o Brasil. Por aqui, a empresa sueca vende apenas veículos híbridos. Sendo que o SUV intermediário XC60 foi responsável pela maior parte das vendas (459 unidades).

Foto: Divulgação/Porsche

Atrás dela vem a sul-coreana Kia. No último mês, foram registradas 515 unidades comercializadas. O seu produto ,mais vendido é o furgão Bongo. Na terceira posição está a Porsche (325 unidades). Na quarta, a inglesa Land Rover (321 unidades). Fechando o Top 5 está a Jac Motors (86 unidades).

Carros importados
Caoa Chery Tiggo 8 (Foto: Divulgação/Caoa Chery)

Já a Caoa Chery se destaca entre as empresas que fabricam em terras brasileiras. Ao final do mês de agosto, a entidade tinha registrado  4.712 unidades comercializadas. Já a Suzuki vem logo atrás (78 unidades). Já a Land Rover fecha o pódio (23 unidades).

Veja abaixo o ranking completo das vendas de carros importados (por marca)

1º – Volvo (814 unidades)

2º – Kia Motors (515 unidades)

3º – Porsche (325 unidades)

4º – Land Rover (321 unidades)

5º – JAC Motors (86 unidades)

6º – Suzuki (76 unidades)

7º – Jaguar (44 unidades)

8º – Caoa Chery (8 unidades)

9º – Mclaren (2 unidades)

10º – Aston Martin (0 unidades)

11º – BYD (0 unidades)

 

Pedro Giordan
Pedro GiordanJornalista graduado pela Universidade Metodista de São Paulo em 2017. Redator do Garagem360 desde abril de 2021. Anteriormente, trabalhou em redação jornalística, assessoria de imprensa, blog sobre futebol e site especializado em esportes.
ASSISTA AGORA
Veja mais ›
Fechar