Elon Musk brasileiro cria carro que faz 1.000 km com 30 l de etanol: “melhor que elétrico”

O empresário Flávio Figueiredo Assis, que se autodenomina como “Elon Musk brasileiro“ desistiu, de vez, dos veículos elétricos. Logo abaixo, o Garagem360 explica a nova estratégia da empresa Lecar.

Foto: divulgação
Flávio Figueiredo Assis é o idealizador do projeto – Foto: divulgação

Qual será a nova estratégia da Lecar? 

A Lecar, agora, vai concentrar suas energias no desenvolvimento de veículos híbridos

“Ao longo do período de desenvolvimento do carro, dos testes feitos e estudos internacionais já publicados, chegamos à conclusão de que o carro híbrido é mais vantajoso para a sociedade do que o elétrico em diversos quesitos, o que nos fez redirecionar nosso posicionamento e os planos para o mercado”, contou o executivo. 

Lecar Model 459 foi o primeiro veículo elétrico produzido pela empresa Lecar (Foto: Divulgação)
Lecar Model 459 foi o primeiro veículo elétrico produzido pela empresa Lecar   (Foto: Divulgação)

Ele completa: 

“A ideia, agora, é que nossa tecnologia híbrida flex a etanol com tração 100% de motor elétrico, proporcione 1mil km com 30 litros de etanol. Temos o primeiro carro elétrico sem tomada do mundo”. 

Leia também:

A estratégia da Lecar é realmente uma “inovação”? 

Não. Na verdade, o mercado brasileiro já conta com o Honda Civic híbrido. O modelo japonês sai de fábrica com motor 2.0 a gasolina e dois elétricos. 

Na pista, o propulsor a combustão atua em grande parte do período proporcionando energia para o elétrico que movimenta o veículo. 

Também é preciso destacar que a nomenclatura “híbrido flex” deduz que o Lecar 459 também rodará com gasolina, e não apenas com etanol. 

Honda Civic Híbrido (Foto: Nicole Santana/Garagem360)
Honda Civic Híbrido (Foto: Nicole Santana/Garagem360)

Qual será o diferencial da Lecar? 

A montadora brasileira acredita que o mercado conta com ótimos veículos híbridos. Porém, com preços bem distantes da realidade da população nacional. 

“Nossa nova missão, a partir de agora, será reverter essa realidade, trazendo modelos híbridos muito mais aderentes à realidade brasileira e que caibam no bolso da população, contribuindo para uma verdadeira revolução inovadora na mobilidade nacional”, explica Flávio Assis.

Para que você entenda melhor como está o panorama de veículos híbridos no país, logo abaixo, trouxemos uma lista com os modelos mais baratos da categoria. Acompanhe!

Quais são os carros híbridos mais baratos do Brasil? 

Entre os modelos disponíveis no Brasil, destacam-se:

Qual é o híbrido mais barato?

É o Kia Stonic, que está disponível por R$ 129.990. Ele foi fabricado com motor 1.0 turbo de 120 cv. 

Adicionalmente, vem equipado com diversos itens de série que melhoram a sua performance a bordo, garantindo mais conforto para todos os ocupantes do veículo, como:

  • Ar-condicionado digital automático e controle frontal “Single Zone” com filtro antipólen

  • Banco do motorista com ajustes manuais de inclinação do encosto, altura e distância dos assentos

  • Banco traseiro bipartido (60/40) e rebatível para ampliação do porta-malas

  • Bancos com revestimento Premium padrão GT-Line em Altaica e tecido

  • Bancos para 5 ocupantes

  • Coluna de direção com regulagem de altura e profundidade

  • Computador de bordo programável com comando no volante

  • Console central com detalhes em preto brilhante e cinza fosco, descansa-braço, porta-objetos e porta-copos

  • Desembaçador do vidro traseiro temporizado

  • Direção com assistência elétrica, motor montado na coluna de direção (C-MDPS)

  • Encostos de cabeça com ajuste de altura (todos)

  • Iluminação no porta-malas

Enquanto o lançamento do Elon Musk brasileiro não chega ao mercado, o que nos resta é aguardar. Por isso, continue acompanhando o Garagem360 para ficar por dentro das últimas notícias automotivas sobre veículos híbridos e elétricos.

Leia também: Confira os veículos elétricos mais vendidos do primeiro semestre de 2024

ASSISTA AGORA
Veja mais ›
Fechar