99 adota tarifa dinâmica para corridas realizadas em São Paulo

NotíciasServiços 4 de outubro de 2017 Bianca Bellucci 0

A 99 anunciou que, a partir de hoje (4), passará adotar a tarifa dinâmica em seu sistema de cobrança. Esse modelo faz com que o valor da corrida flutue durante momentos de alta demanda – ou seja, quanto mais usuários estiverem atrás de carros, maior será o preço. Por enquanto, o novo sistema de tarifação está disponível apenas para a cidade de São Paulo (SP).

Leia mais
Uber, Cabify, 99, Easy: app mostra qual corrida sai mais barata
Como o Uber beneficiou o mercado de táxis
Não beba ou use armas de fogo: conheça o código de conduta da Uber

De acordo com a 99, a nova tarifação traz benefícios para as duas pontas do serviço. Isso é, o motorista receberá mais e poderá oferecer um atendimento de qualidade mesmo em horário de pico, e o passageiro terá a opção de esperar menos tempo para pegar um carro.

Na hora de solicitar o serviço, o usuário será informado pelo aplicativo que a região em que ele se encontra possui mais chamadas que o normal. Uma pequena marcação em cinza também aparecerá em cima da opção de transporte indicando o valor da tarifa dinâmica.

No caso dos táxis, entretanto, não é bem uma tarifa dinâmica que será usada. Haverá a possibilidade de pagar gorjetas. O recurso serve de estímulo para aumentar a oferta de táxis em horários de alta demanda. Segundo a 99, 100% do valor será destinado ao profissional. A gorjeta vai variar de R$ 5 a R$ 10. Vale ressaltar que o passageiro não é obrigado a pagar esse extra.

Ainda não há estimativa de quando (ou se) a tarifa dinâmica será adotada em outros estados do Brasil.