VW Up sai de linha e pode dar lugar a um hatch maior

VW Up se despede do Brasil |Foto: Divulgação/VW

A informação de que o VW Up sai de linha no Brasil era esperada e já até noticiada. Porém, a confirmação do fim da produção do modelo foi anunciada na última quarta-feira (7), encerrando o ciclo do subcompacto após sete anos de mercado. Apesar do fim do Up, o veterano Fox segue em linha e terá pequenas novidades visuais na linha 2022, quando ele completará 19 anos de mercado. Outro veterano, o VW Gol, também segue firme e forte mesmo tendo 13 anos de estrada na geração atual – e mais de 40 anos desde o lançamento do modelo original, de 1980.

VW Up sai de linha

Mesmo sendo um projeto moderno e ter sido o responsável por inaugurar o motor 1.0 TSI na linha da Volkswagen, o Up nunca emplacou. O carro até fazia sucesso entre a crítica e proprietários, mas jamais figurou entre os carros mais vendidos do País. E é importante lembrar que em 2014, no ano de seu lançamento, sua missão era ser o novo carro de entrada da marca no País, substituindo o Gol G4.

Entretanto, em algum momento a empresa alemã percebeu que a conta não fechava e que era preciso elevar o Up a um outro patamar, o que devolveu o Gol ao posto de modelo mais barato da companhia no País.

Só que isso causou um outro problema ao Up: ele passou a ser considerado caro por conta de seu tamanho pequeno e pela simplicidade de seu acabamento. A VW até tentou rechear melhor o modelo ao longo dos anos, mas nenhuma dessas iniciativas fez as vendas decolarem.

A última cartada da marca foi a mais radical: com a mudança da lei de trânsito que exige cinto de três pontos e apoio de cabeça para todos os ocupantes, a fabricante decidiu homologar o Up para apenas quatro lugares, em vez de adicionar os itens exigidos no assento do meio do banco traseiro.

O resultado foi a inserção de um aviso no banco indicando a proibição de um terceiro passageiro, além de deixar o Up em versão única para a linha 2021. Com o preço sugerido de R$ 60.090, a configuração Xtreme foi a última do subcompacto no País. Ela era equipada com o motor 1.0 TSI de 105 cv e trazia direção elétrica, ar-condicionado, sistema de som, vidros elétricos dianteiros e controle de tração. Agora, cerca de três meses após o lançamento desta configuração, o modelo deixa de ser vendido no Brasil.

VW Up sai de linha e pode dar lugar a um hatch maior
Última versão do Up tinha um aviso para alertar sobre a proibição de um terceiro passageiro na traseira |Foto: Divulgação/VW

Substituto do Up

Entretanto, o fim do Up não deverá deixar a Volkswagen sem representantes mais em conta no mercado. A linha de montagem da fábrica de Taubaté (SP), onde o subcompacto é feito, deverá ser adaptada para receber a plataforma MQB A0, a mesma de Polo, Virtus, Nivus e T-Cross.

Com isso, o Polo passaria a ter uma versão mais simples e com apelo aventureiro, que deve ser batizada de Track, mas equipada apenas com o motor 1.0 de 82 cv.

O suposto Polo Track manteria o visual atual do hatch, enquanto que os demais modelos devem passar por uma reestilização em breve para se diferenciarem da versão mais simples.

Leo Alves
Leo AlvesJornalista formado na Universidade Metodista de São Paulo e participante do curso livre de Jornalismo Automotivo da Faculdade Cásper Líbero, sou apaixonado por carros desde que me conheço por gente. Já escrevi sobre tecnologia, turismo e futebol, mas o meu coração é impulsionado por motores e quatro rodas (embora goste muito de aviação também). Já estive na mesma sala que Lewis Hamilton, conversei com Rubens Barrichello e entrevistei Christian Fittipaldi.
Veja mais ›
Fechar