Renault Captur e Duster contarão com motor que reduz consumo de combustível

Renault
O novo Renault Captur brasileiro traz um sistema Start/Stop feito em Santa Catarina (Foto: Marcelo Machado de Melo / Renault)

A BorgWarner anunciou no último dia 16 que irá fornecer peças para a produção dos principais SUVs do mercado da América Latina. Estamos falando do Renault Captur e do Duster. Agora, o sistema Start/Stop destes dois modelos terão um toque brasileiro.

Isso porque a peça será feita na cidade de Brusque, localizada em Santa Catarina. Esta é uma das 96 instalações industriais e técnicas da empresa em 23 países. De acordo com a mesma, ela oferece “soluções de mobilidade inovadoras e sustentáveis para o mercado de veículos”. Sem falar que produtos para aftermarket.

Renault
Renault Duster (Foto: .Divulgação/Renault) Turbo

Renault Captur e Duster contarão com motor que reduz consumo de combustível

O motor de partida do sistema de partida Start/Stop será oferecido oferecido pela Borgwarner é o da família RG260D+. Ele equipará os modelos que utilizam o motor 1.3L Turbo da Renault. Seu desempenho mecânico é bastante alto. O mesmo acontece com a durabilidade (vida útil de cerca de 300.000 partidas).

E tudo isso é graças a sua composição. Ele traz um impulsor de arranque, seis escovas de carvão e outros componentes. Estes últimos são chamados pela marca de “componentes com especificações premium”.

Leia mais: Renault Bigster: SUV marcará estreia da plataforma CMF-B no Brasil

“O nosso motor de partida para o sistema Start/Stop tem como principal vantagem ser um produto leve, permitindo melhor relação peso-potência. Com esse sistema, estamos aptos para atender localmente todo o segmento de veículos leves que vem cada vez mais buscando soluções que ofereçam maior eficiência energética”, afirma Adson Silva, Diretor da Borgwarner PowerDrive Systems do Brasil.

Renault
Borgwarner RG260D+ (Foto: Divulgação/Borgwarner)

Este tipo de sistema é bastante popular atualmente. Ele pode garantir algumas vantagens ao dono do veículo. Principalmente aquelas que são relacionadas com o gasto de combustível. O Start/Stop pode fazer com que o carro fique de 5% a 10% mais econômico.

Sem falar que reduz as emissões e pode ser bastante útil em cidades grandes. Seu funcionamento é bastante simples. Com ele, o veículo é desligo logo que o pedal de freio é acionado. Quando o mesmo pisar no acelerador, o motor será religado.

Os carros que receberão o sistema

Renault
Renault Captur (Foto: Divulgação/Renault)
Renault Captur (Foto: Divulgação/Renault)

Por aqui, ele está disponível em um dos principais lançamentos da marca. Estamos falando do novo Renault Captur. Este veículo foi uma das principais novidades do primeiro semestre.

Custando a partir de R$ 124.490, ele está sendo vendido em três opções de acabamento diferentes (Zen, Intense, Iconic). Entre as principais novidades estão as leves mudanças externas. Destaque para os novos faróis o Full LED (somente na versão mais cara).

Já o interior recebeu a central multimídia de oito polegadas, Sob o capô está o motor 1.3 TCe desenvolvido em conjunto com a Mercedes-Benz. Ele pode gerar uma potência máxima de 170 cv entre 5.500 e 6.000 rpm e torque máximo de 27,5 kgfm entre 1.600 e 3.750 rpm.

Sua transmissão é a automática CVT de oito marchas sequenciais. Este conjunto faz com que o Captur acelere de 0 a 100 km/h em 9,2 segundos.

Renault Duster (Foto: .Divulgação/Renault) Turbo
Renault Duster (Foto: .Divulgação/Renault) Turbo

Outro modelo que contará com o sistema Start/Stop acima é o seu irmão Duster. Uma variação com o mesmo motor acima está disponível em outros países da América Latina. A Argentina é um deles. Por lá, o carro da Renault tem duas versões que recebem este propulsor: a Outsider 2WD e a Iconic 4WD (com tração 4×4).

A calibração também é diferente. Este 1.3 turbo pode gerar uma potência máxima de 155 cv e torque máximo de 25,49 kgfm. Eles podem oferecer câmbio automático CVT (Outsider) ou manual de seis velocidades (Iconic 4WD). Ele também passou por mudanças. Seu visual ficou mais robusto.

O que você achou? Siga @sitegaragem360 no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Pedro Giordan
Pedro GiordanJornalista graduado pela Universidade Metodista de São Paulo em 2017. Redator do Garagem360 desde 2021, onde acumula desde então experiência e pesquisas sobre o setor automotivo. Anteriormente, trabalhou em redação jornalística, assessoria de imprensa, blog sobre futebol e site especializado em esportes.
ASSISTA AGORA
×

Mais veloz que esses carros? Apenas as notícias que traremos até você!

Cadastre-se na nossa newsletter e além de ficar por dentro de todos lançamentos, você também será o primeiro a ser notificado dos nossos testes e outras noticias incríveis por e-mail!
Veja mais ›
Fechar