Novo Fiat Punto? Marca confirma que terá um outro hatch em 2023

Novo Fiat Punto
Hatch pode voltar em breve ao mercado |Foto: Divulgação/Fiat

O Fiat Punto surgiu no Brasil em 2007 e durou até 2016, quando o Argo substituiu ele, Bravo e Palio de uma só vez. Só que na Europa a relação do carro foi um pouco mais duradoura, tendo começado nos anos 1990. Em 2005, o modelo que chegou ao mercado brasileiro foi apresentado no velho continente como Grande Punto, e saiu de linha em 2018 sem um sucessor direto. Porém, isto deve mudar em breve.

Novo Fiat Punto
Hatch pode voltar em breve ao mercado |Foto: Divulgação/Fiat

Novo Fiat Punto na Europa

Nesta semana, a Fiat confirmou que pretende lançar um novo hatch no mercado europeu. E embora não confirme o nome do carro, há chances dele chamar Punto. Vale lembrar que a empresa italiana anda em uma fase meio retrô, trazendo alguns de seus nomes do passado de volta. Afinal, a empresa conta com um modelo chamado Tipo na Europa.

Leia também: 5 carros turbo mais econômicos do Brasil; veja a lista!

Seja como for, o novo hatch deve ser revelado no velho continente apenas em 2023. E ele deverá pegar emprestado a plataforma modular CMP, que estreou nos modelos da Peugeot e da Citroën. Com isso, o novo Fiat Punto, ou seja lá qual for o seu nome final, tem tudo para ser um primo do Peugeot 208 e do Opel Corsa “F” atual.

Novo Fiat Punto
Peugeot 208 vai ceder a plataforma para o novo hatch da Fiat |Foto: Divulgação/Peugeot

Presente e passado

E esse é um ponto que também remete ao passado. Quando o Grande Punto foi lançado na Europa em 2005, Fiat e General Motors tinham uma parceria há alguns anos. Por isso o modelo da marca italiana utilizou a plataforma do então Corsa “D”, que era uma geração mais nova do que o vendido no Brasil na época.

O compartilhamento foi possível pois a GM era dona da Opel. Por esse motivo o Punto europeu acabou sendo primo do Corsa da época. Eis que o tempo passou e a Opel foi vendida para a Peugeot-Citroën (então PSA) em 2017. E dois anos depois começa a fusão entre PSA e Fiat-Chrysler, colocando Opel e Fiat em um mesmo grupo. E como a CMA é uma plataforma modular, ela tem tudo para ser a base do futuro novo Punto.

Eletrificação

Como não poderia deixar de ser, o futuro hatch da Fiat será eletrificado. Por conta da plataforma CMA, é provável que o carro tenha versões 100% elétricas e outras a combustão. Isso porque a base permite essas duas configurações, mas não é compatível com modelos híbridos.

Novo Fiat Punto
Opel Corsa atual já divide plataforma com o 208 |Foto: Divulgação/Opel

O que você achou? Siga @sitegaragem360 no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Leo Alves
Leo AlvesJornalista formado na Universidade Metodista de São Paulo e participante do curso livre de Jornalismo Automotivo da Faculdade Cásper Líbero, sou apaixonado por carros desde que me conheço por gente. Já escrevi sobre tecnologia, turismo e futebol, mas o meu coração é impulsionado por motores e quatro rodas (embora goste muito de aviação também). Já estive na mesma sala que Lewis Hamilton, conversei com Rubens Barrichello e entrevistei Christian Fittipaldi.
ASSISTA AGORA
×

Mais veloz que esses carros? Apenas as notícias que traremos até você!

Cadastre-se na nossa newsletter e além de ficar por dentro de todos lançamentos, você também será o primeiro a ser notificado dos nossos testes e outras noticias incríveis por e-mail!
Veja mais ›
Fechar