Nova Montana 2023 terá sistema remoto para atualização de software

Nova Montana
publicidade

A  Nova Montana – futura picape da Chevrolet desenvolvida sobre a plataforma GEM, a mesma usada pela Chevrolet Tracker – estreia em 2023 com alto nível de conectividade, promete a montadora. A fase final de validações do veículo continua no Campo de provas da General Motors em Indaiatuba (SP).

rimeiro detalhe da Nova Montana (Foto: Chevrolet)
Nova Montana (Foto: Chevrolet)
publicidade

Nova Montana 2023 estreará com conceito inédito e inovador

“Além de uma variedade de simulações virtuais, centenas de mecânicos, engenheiros e pilotos revezam-se dia e noite em testes laboratoriais e de pistas no Campo de Provas da GM para garantir que a Nova Montana ofereça toda robustez, segurança e tecnologia idealizada pelos projetistas”, informou a GM em comunicado à imprensa.

Neste momento, um dos focos do time de desenvolvimento está sendo a validação do inovador sistema de conectividade do veículo, que será capaz de receber atualizações remotas de software inerentes à arquitetura eletrônica da picape e de aplicativos nativos à nova central multimídia, que já nascerá como uma extensão do painel de instrumentos.

VEJA TAMBÉM

A Nova Montana chega ao mercado em 2023 e irá estrear um conceito inédito de picape para a marca e “vai surpreender também pelo design inteligente, já que a cabine aproveita melhor o espaço interno enquanto a caçamba vai trazer tecnologias que proporcionam maior versatilidade”, promete a montadora. 

publicidade

A Montana será o próximo integrante da nova família de veículos globais da Chevrolet, já composta pelas atuais gerações de Onix, Onix Plus e Tracker.

 

publicidade
Testes Nova Montana (Foto: Chevrolet)

Testes com a Nova Montana prosseguem em Indaiatuba (SP)

A fase final do desenvolvimento da Nova Montana ocorre em ritmo acelerado no no Campo de Provas da Cruz Alta (CPCA) da GM, em Indaiatuba (SP). 

publicidade

Segundo afirma a montadora, as instalações são a maior do tipo no Hemisfério Sul. Conta com 17 tipos de pistas, entre elas a de “tortura” e a “reta infinita”; além de sete laboratórios, como o de dinâmica veicular, o de eletroeletrônica e o de análise de emissões. Toda essa estrutura ocupa uma área equivalente a 1.360 campos de futebol.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Ultrapassamos os 6 milhões de quilômetros rodados por ano entre os mais de mil testes que são realizados no Campo de Provas da GM. Com isso, em seis meses é possível simular o desgaste que um automóvel sofreria se rodasse por 15 anos em condições normais de trânsito – ou o equivalente a 240 mil quilômetros”, explica Leandro Couto, diretor do CPCA.

Montana 2022 / Ilustrativa (Foto: Divulgação/Chevrolet)
publicidade

O que você achou? Siga @sitegaragem360 no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Paulo Silveira
Paulo SilveiraJornalista com 20 anos de experiência profissional como repórter nas principais redações de jornais do Brasil, como Gazeta Mercantil, Folha SP, Estadão e Jornal do Brasil e em cargos de coordenação, edição e direção. Formado em Jornalismo pela Caśper Líbero.
ASSISTA AGORA
×

Mais veloz que esses carros? Apenas as notícias que traremos até você!

Cadastre-se na nossa newsletter e além de ficar por dentro de todos lançamentos, você também será o primeiro a ser notificado dos nossos testes e outras noticias incríveis por e-mail!
Veja mais ›
Fechar