Nissan lança Nova Frontier S com motor biturbo; veja os detalhes 

Nova Nissan Frontier S (Foto: Divulgação/Nissan)

A Nissan completou a linha da Nova Frontier com o lançamento da versão de entrada S. O modelo chega com o motor 2.3 16V biturbo a diesel, como nas outras versões. A decisão de disponibilizar o biturbo na versão S, diferentemente do que acontecia com o modelo anterior e chegou a ser anunciado pela empresa, foi tomada para padronizar a oferta da linha no mercado.

No entanto, a opção de entrada da Nova Nissan Frontier é a única equipada com câmbio manual, de seis marchas. Como tem vocação para o trabalho, a Nova Frontier S tem os dois turbos com calibragem diferente da oferecida nas outras versões da linha. O preço sugerido é de R$ 238.290.

VEJA TAMBÉM

publicidade

Conheça a Nova Nissan Frontier S com motor biturbo

Com a calibragem especial, o motor entrega 43,3 kgf.m de torque, disponíveis entre 1.500 e 2.500 rpm, e 163 cv de potência a 3.750 rpm. Assim, apesar de ter também dois turbos, como as demais – que têm 190 cv –, o modelo de entrada é 5% mais econômico, sem deixar de entregar bom desempenho.

A nova versão se soma as outras já disponíveis nas concessionárias da marca em todo o Brasil: SE, Attack, XE, Platinum e PRO4X. Dessa forma, com todas as opções disponíveis, a linha da Nova Nissan Frontier agora conta com seis versões no mercado brasileiro.

publicidade

“A Nova Nissan Frontier S é um modelo de entrada, mas chega oferecendo o design robusto da picape desenhada para fazer mais e uma ampla lista de equipamentos”, ressalta a montadora japonesa em comunicado à imprensa. 

A picape traz de fábrica itens como seis airbags, ar-condicionado, vidros e retrovisores elétricos, bloqueio de diferencial mecânico, controle automático de descida (HDC) e controles de tração e estabilidade (VDC) , sistema de auxílio de partida em rampa (HSA), entre outros. 

Nova Nissan Frontier tem design utilitário

A Nova Nissan Frontier chega com um desenho que mistura os estilos robusto, elegante e imponente, seguindo o conceito global Nissan Emotional Geometry Design. – desenho de geometria emocional, numa tradução livre. A grade e os faróis em forma de C tornam a frente única e facilmente reconhecível.

A grade segue um estilo interligado de design – recurso exclusivo encontrado da família de picapes Nissan –, criando uma frente poderosa, que destaca a capacidade da picape de ir a qualquer lugar. Na parte traseira, o desenho das lanternas traseiras traz um ar de sofisticação.

publicidade

A caçamba também mereceu atenção especial. A picape agora apresenta uma melhor combinação de carga útil e volume. Para isso, o compartimento tem uma altura maior em relação à sua antecessora – 25 mm, perto da cabine, e até 50 mm nas laterais, perto da tampa – tendo capacidade para receber até 1.054 litros de carga. E a capacidade chega a 1.043 kg.

Para o conforto maior na hora de utilizar a caçamba, o para-choque traseiro tem um degrau que facilita o acesso e o uso da caçamba.

publicidade

A cabine também ficou mais prática e confortável. Cada versão tem seu acabamento diferenciado, o que inclui diferentes materiais e texturas para os bancos que, na dianteira, segue a tradição da Nissan de serem “Gravidade Zero”. Eles são produzidos tendo como base tecnologia desenvolvida pela NASA para eliminar a fadiga e melhorar o conforto para o condutor.

Por dentro, a cabine da versão de entrada é um pouco mais simples. O painel com indicadores analógicos para velocidade, nível de combustível, temperatura do motor e conta-giros traz ao centro computador de bordo e relógio no formato digital.

Não há central multimídia. A picape é equipada com um sistema de som simples mas funcional, com toca-CDs, rádio AM-FM e conexão bluetooth.  Há comandos no volante. Uma porta USB é disponível para carregar smartphones e outros gadgets.

publicidade
Nissan

Capacidade off-road

A nova picape mantém as características de sua linhagem e apresenta excelente ângulo de ataque/saída e distância livre do solo. A Nova Nissan Frontier tem 31,6º de ângulo de ataque, 25,7º de saída e 25,2 cm de vão livre, o que permite que ela supere os obstáculos mais severos.

A suspensão foi refinada com a adoção de novos ajustes dos amortecedores. O conjunto traseiro segue com sistema multilink e molas helicoidais, que trabalham em conjunto com um eixo rígido. Essa solução inovadora oferece um excelente balanço entre o conforto no passeio e alta estabilidade, sem abrir mão das capacidades no fora de estrada e no transporte de cargas. 

publicidade

Já a suspensão dianteira de arquitetura com braço duplo assistido por barra estabilizadora garante o conforto e segurança.

Em todas as versões, os freios apresentam a melhor solução disponível. São a disco nas quatro rodas.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

As fábricas da Nissan também são impactadas pela falta de chips. Em Resende, no RJ, a produção será paralisada por cinco dias
(Foto: Divulgação)
publicidade

O que você achou? Siga @sitegaragem360 no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Paulo Silveira
Paulo SilveiraJornalista com 20 anos de experiência profissional como repórter nas principais redações de jornais do Brasil, como Gazeta Mercantil, Folha SP, Estadão e Jornal do Brasil e em cargos de coordenação, edição e direção. Formado em Jornalismo pela Caśper Líbero.
ASSISTA AGORA
×

Mais veloz que esses carros? Apenas as notícias que traremos até você!

Cadastre-se na nossa newsletter e além de ficar por dentro de todos lançamentos, você também será o primeiro a ser notificado dos nossos testes e outras noticias incríveis por e-mail!
Veja mais ›
Fechar