JAC vai competir de igual para igual no precinho do BYD Dolphin com este modelo

As chinesas que já estavam no Brasil não ficaram de braços cruzados com a boa recepção do BYD Dolphin. A primeira a se mover foi a JAC, que deve trazer para o país o JAC Yiwei 3, hatch compacto para competir com o modelo da BYD. 

Jac Yiwei
JAC Yiwei é o hatch compacto que vai competir com BYD Dolphin. Foto: Divulgação

BYD Dolphin terá concorrente à altura, o JAC Yiwei 3 

Esteticamente, o Yiwei agrada aos olhos, principalmente por seu visual que puxa para o retrô. É só olhar os detalhes arredondados que lembram alguns carros antigos, como nos faróis e linhas. Ainda assim, apresenta um design moderno e elegante. 

Não é um dos mais espaçosos, tendo em vista suas dimensões. O chinês tem 4 m de comprimento e 2,62 m de entre-eixos, o que influencia no espaço interno. Mas, para a proposta urbana, o veículo atende bem, principalmente quem procura uma opção versátil para as cidades. 

VEJA TAMBÉM

O destaque fica mesmo por conta da motorização. O Jac Yiwei conta com um motor elétrico que entrega 95cv, mas também há uma versão de 136cv na China.

Ainda não se sabe se esta também virá para o Brasil, bem como suas duas versões de bateria. A primeira com 300 km de autonomia, enquanto a segunda permite percorrer até 500 km.  

No entanto, o modelo vendido no Brasil deve ter uma bateria de 400 km de autonomia.

Por dentro, o compacto não decepciona com materiais de qualidade, bem como a tela de entretenimento inteligente de alta definição de 15,6 polegadas.

O sistema operacional é assinado pela  iFlytek e Huawei para fornecer uma experiência de entretenimento audiovisual confortável e inteligente.

Ainda não se sabe o preço, mas como deve competir com o BYD Dolphin, deve ser na casa dos R$ 130 mil. Mesmo valor cobrado pelo JAC E-JS1 da marca. Na China, o preço do Yiwei 3 parte de R$ 68 mil na conversão direta, mas pode chegar a R$ 95 mil.

Veja mais: Finalmente! Chegou um carro elétrico que custa o mesmo de um SUV compacto no Brasil

GWM também prepara concorrente para o BYD

Outra chinesa que quer aumentar sua influência no país é a GMW. A fabricante já conta com um portfólio para o mercado brasileiro com destaque para o SUV Haval H6, que chegou a ser o híbrido mais vendido em junho com 969 unidades vendidas. 

GWM Ora GT
GWM Ora GT vai ser apresentado no autódromo de Interlagos. Foto: Divulgação

Agora a marca prepara o Ora GT. A marca promete sua estreia no Festival Interlagos, evento que ocorre entre os dias 20 e 23 de julho. O compacto é um pouco maior que o Yiwei, com  4,23 m de comprimento e 2,65 m entre-eixos. 

E ele também é mais potente, com seu motor elétrico de 145 cv ou 173 cv, de acordo com a versão. A velocidade máxima é limitada a 160 km/h nos dois casos. A bateria para o Brasil é de 63 kWh, que oferece uma autonomia de 400 km, de acordo com a marca.

 

Robson QuirinoSou Robson Quirino. Formado em Comunicação Social pelo IESB-Brasília, atuo como Redator/ Jornalista desde 2009 e para o segmento automotivo desde 2019. Gosto de viagens rápidas, mas sonho em viajar em um cosmic car para o espaço sideral.
ASSISTA AGORA
Veja mais ›
Fechar