Começa produção do Volvo C40, que chega ao Brasil em 2022

Volvo C40
O Volvo C40 já está sendo feito na cidade de Ghent, na Bélgica (Foto: Divulgação/Volvo)

Recentemente, a Volvo apresentou a versão 100% elétrica do XC40 aqui no Brasil. Este foi o primeiro veículo totalmente eletrificado da marca. E o segundo chegará logo. A montadora sueca anunciou que o C40 começou a ser fabricado na Bélgica na última semana. Este carro possui um design SUV Cupê e é bastante tecnológico.

Sem falar que será vendido em terras brasileiras a partir do próximo ano. A planta responsável pela produção do veículo está localizada em Ghent. Este é no mesmo lugar que está sendo feito o seu irmão XC40 Recharge.

Volvo C40
Volvo C40 (Foto: Divulgação/Volvo))

Novo Volvo C40 já está sendo feito na cidade de Ghent, na Bélgica

De acordo com a empresa sueca, esta fabrica está sendo ampliada para poder aumentar a quantidade de carros feitos por ano. A expectativa é que possam ser feitos 135 mil veículos por ano. Sem falar que a Volvo espera que no próximo ano, metade dos veículos que serão feitos por lá sejam elétricos.

Volvo C40 (Foto: Divulgação/Volvo))

O C40 Recharge é um carro que representa nosso futuro”, disse Javier Varela, vice-presidente sênior de operações industriais e qualidade da Volvo Cars, em comunicado.

“Nossas operações de produção e uma estreita colaboração com nossos fornecedores são fundamentais para alcançar nossas ambições futuras em termos de eletrificação e neutralidade climática. Nossa fábrica de Ghent está pronta para um futuro totalmente elétrico e será uma parte importante de nossa rede industrial global para os próximos anos.”, concluiu.

 

Volvo C40
Volvo C40 (Foto: Divulgação/Volvo))

O Volvo C40 foi apresentado oficialmente no mês de março. Seu principal destaque é o design, visto que se trata de uma versão Cupê. Claro, ele mantem seu lado imponente e robusto. Este carro mede 4.431 mm de comprimento, 1.582 mm de altura e 1.863 de largura. Apenas os dois primeiros itens se difere do modelo tradicional. Lembrando que ambos são feitos sobre a plataforma CMA.

O design da dianteira é bem interessante. A grade dianteira foi substituída por uma placa na cor da carroceria. Apenas a o logotipo, com a faixa cruzada na passando por ela, foi mantida. Já o para-choque e as partes onde ficam os faróis de neblina são exclusivas. Sem falar dos faróis de LED.

Volvo C40 (Foto: Divulgação/Volvo))

As parte traseira do veículo talvez seja a parte mais curiosa. Isso porque o desenho das lanternas e dos vidros até lembram o XC40. No entanto, com a coluna inclinada, parte das lanternas também ficaram próximas do teto. As rodas utilizadas por ele também são diferentes.

Parceria com o Google

Volvo C40
Volvo C40 (Foto: Divulgação/Volvo))

O Novo Volvo C40 traz um bom aparato tecnológico. Sua central multimídia, por exemplo, tem as mesmas nove polegadas do irmão XC40. Inclusive, ela também está na posição vertical. E seu sistema operacional também impressiona. Isso porque ele foi desenvolvido junto ao Google e é baseado no Android – sistema operacional de muitos celulares.

De acordo com a montadora, os ocupantes poderão utilizar alguns serviços bastante conhecidos, como o Google Assistant e o Google Maps. Sem falar da loja de aplicativos Google Play.

Conjunto mecânico

Volvo C40 (Foto: Divulgação/Volvo))

O Volvo C40 estará equipado com dois motores. Eles estão localizados em cada eixo. Eles podem gerar uma potência máxima de 408 cv e torque de 67,3 kgfm. Sem falar que são alimentados por uma bateria de 78 kWh. O que garante uma autonomia de 418 km (ciclo WLTP). O processo de recarga delas pode durar até 40 minutos (para conseguir atingir 80%).

Vale lembrar que o lançamento deste carro faz parte da estratégia da Volvo. Segundo ela, o objetivo é que em 2025, 50% das vendas sejam de veículos 100% elétricos. Além disso, a mesma pretende ter uma gama totalmente formada por carros elétricos em 2030.

Pedro Giordan
Pedro GiordanJornalista graduado pela Universidade Metodista de São Paulo em 2017. Redator do Garagem360 desde abril de 2021. Anteriormente, trabalhou em redação jornalística, assessoria de imprensa, blog sobre futebol e site especializado em esportes.
ASSISTA AGORA
Veja mais ›
Fechar