CNH para moto cresce mais de 50% em dez anos, aponta associação 

dia do motociclista
27 de julho: Dia do Motociclista. Foto: Pexels
publicidade

O número de pessoas habilitadas com a Carteira Nacional Habilitação (CNH) na categoria A cresceu 50,9% nos últimos dez anos. Até o final do ano passado, 35,2 milhões de pessoas estavam aptas a conduzir veículos motorizados de duas ou três rodas. Em 2012, havia 23,3 milhões motociclistas no Brasil.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Compilados para o Dia do Motociclista, celebrados nesta quarta-feira (27), os números são da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), que credita o crescimento ao fato devido às características principais da moto: um veículo ágil, econômico, com preço mais acessível e baixo custo de manutenção.

publicidade

“Alguns consumidores querem fugir das aglomerações diárias nos transportes públicos, outros utilizar como instrumento de trabalho. Há ainda aqueles que buscam por alternativas mais econômicas devido ao aumento dos preços dos combustíveis”, avalia o presidente da Abraciclo, Marcos Fermanian.

VEJA TAMBÉM

Dados mostram crescimento ainda maior entre as mulheres

Mulheres estão procurando mais por consórcios de motos
Mulheres já representam mais de 20% dos motociclistas (Foto: Divulgação)

De acordo com dados da Abraciclo, o número de mulheres que assumiram o guidão cresceu 83,7% nos últimos dez anos, passando de 4.512.753 em 2012 para 8.287.808 no ano passado. Esse índice é bem superior ao registrado pelos homens, que foi de 43% – de 18.809.391 habilitados em 2012 para 26.911.145 em 2021.

A presidente da confraria Filhas do Vento e da Liberdade, Telma Crummenauer, de 53 anos, é uma delas. A curitibana costuma dizer que sua relação com o universo das Duas Rodas transcende a paixão.

publicidade

“A motocicleta me ajudou a superar uma depressão. Comecei a pilotar aos 46 anos e hoje faço isso com um proposito: organizo diversas ações sociais, junto com outras integrantes do grupo”, conta.

Para o próximo mês, Telma vai comandar uma expedição que percorrerá algumas cidades do Paraná até a fronteira com o Estado de São Paulo, para promover a campanha do Agosto Lilás de combate à violência doméstica no Brasil. No ano passado, o grupo viajou por cerca de 40 municípios paranaenses para alertar as mulheres sobre a importância da prevenção do câncer de mama, uma ação dentro do Outubro Rosa.

publicidade

CNH para moto: O perfil do motociclista brasileiro em 2022

Conheça o portfólio elétrico de motos Voltz
Scooter é a categoria preferida entre os homens (Foto: Divulgação)

O Brasil possui uma frota oficial de mais de 30 milhões de unidades e a proporção é de uma motocicleta para cada sete habitantes. Em 2012, esse índice era de uma motocicleta a cada dez pessoas. Entre os habilitados, os homens ainda são maioria e representam 76,5% dos motociclistas.

A maioria das pessoas que compra uma motocicleta tem como motivação a locomoção no cotidiano. De acordo com informações das fabricantes de motocicletas associadas à Abraciclo, esse é o motivo apontado por 78% dos compradores. Em segundo lugar, vem o lazer (45%), seguido pelo trabalho (9%). 

publicidade

A categoria de motocicleta preferida pelo sexo masculino é a scooter (60%). Já o público feminino dá preferência à motoneta (69%). 

A maior parte dos motociclistas se encaixa na faixa etária entre 18 e 40 anos, tanto homens (54,4%) como mulheres (69%).

A região Sudeste é a que concentra o maior número de habilitados, com 42,1%. Em segundo lugar, está a região Sul (20,2%), seguida por Nordeste (18,9%), Centro Oeste (11,1%) e Norte (7,7%).

O que você achou? Siga @sitegaragem360 no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Paulo Silveira
Paulo SilveiraJornalista com 20 anos de experiência profissional como repórter nas principais redações de jornais do Brasil, como Gazeta Mercantil, Folha SP, Estadão e Jornal do Brasil e em cargos de coordenação, edição e direção. Formado em Jornalismo pela Caśper Líbero.
ASSISTA AGORA
×

Mais veloz que esses carros? Apenas as notícias que traremos até você!

Cadastre-se na nossa newsletter e além de ficar por dentro de todos lançamentos, você também será o primeiro a ser notificado dos nossos testes e outras noticias incríveis por e-mail!
Veja mais ›
Fechar