XRE 190, da Honda, chega custando a partir de R$ 13.300

Notícias 6 de maio de 2016 Da Redação, com assessoria 0

Mais uma novidade da Honda chega ao mercado nacional: a XRE 190. Do segmento trail de baixa cilindrada, a motocicleta passa a ser a porta de entrada para os fãs da linha XRE. Ela chega este mês à rede de concessionárias da marca com garantia de três anos e troca de óleo gratuita em sete revisões.

Visualmente, os principais destaques são o escapamento elevado, os pneus para uso misto e o para-lamas curto, com um conjunto de carenagens de linhas anguladas. O conjunto óptico está equipado com lâmpadas mais potentes e econômicas. Na traseira figuram lanterna e sinalizadores independentes, suporte de placa alto e alças em alumínio integradas ao bagageiro em nylon de alta resistência.

O painel de instrumentos é totalmente digital e traz informações do marcador de combustível, tacômetro, velocímetro, hodômetros total e parcial, além de indicações para todo o funcionamento da moto. O assento é largo e em dois níveis, e o tanque de combustível tem capacidade para 13,5 litros (3,1 litros de reserva) e tampa com desenho diferenciado e estilo esportivo.

Desempenho

Com características dos modelos aventureiros da categoria on/off-road, a XRE 190 conta com o novo motor monocilíndrico de 184,4 cm³, OHC (Over Head Camshaft), 4 tempos, arrefecido a ar e com sistema de injeção eletrônica PGM-FI. Com tecnologia FlexOne, oferece potência de 16,3 cv a 8.500 rpm e torque de 1,65 kgfm a 6.000 rpm com gasolina; e  16,4 cv a 8.500 rpm e torque de 1,66 kgfm a 6.000 rpm com etanol.

O sistema de partida é elétrico e o câmbio é de cinco velocidades com a transmissão final realizada por corrente. As tampas laterais do motor tem acabamento na cor grafite, inspiradas nos modelos de maior cilindrada. Na ciclística, o veículo traz chassi do tipo berço semi-duplo, produzido em tubos de aço.

Segundo a Honda, outro ponto que privilegia a pilotagem é o baixo peso de todo o conjunto (127kg), além da altura do assento (836 mm), menor em comparação com a XRE 300. Seu guidão com posicionamento mais alto permite que o piloto mantenha os braços mais elevados, evitando a fadiga principalmente em longos percursos.

A suspensão traseira monoamortecida com curso de 150 mm é do tipo Pro-Link, totalmente ajustável. As rodas são raiadas com acabamento em cromo fumê e calçadas com pneus para uso de tipo misto na configuração 90/90 – 19M/C 52P (dianteiro) e 110/90 – 17M/C 60P (traseiro).

Os freios possuem sistema antitravamento (ABS) com discos na dianteira (240 mm) e traseira (220 mm). Fabricada em Manaus, no Amazonas, a nova XRE 190 será oferecida em versão única com freios ABS (antitravamento), nas cores verde metálico, preto metálico e vermelho metálico e preço público sugerido de R$ 13.300 (base o Estado de São Paulo, sem despesas com frete e seguro).