Volvo anuncia parceria com a Nvidia para desenvolver carros autônomos

A Volvo Cars divulgou nesta segunda-feira (12) uma parceria para o desenvolvimento de carros autônomos. A empresa escolhida foi a Nvidia, que é uma das principais empresas de computação da atualidade.

Carros autônomos: Volvo e Nvidia

O objetivo dessa parceria é utilizar a plataforma de inteligência artificial da Nvidia, que é a Drive Orin. Como carros autônomos precisam de uma capacidade de processamento muito alta, é preciso utilizar alguma plataforma que dê conta dessa demanda. No caso da Drive Orin, ela é capaz de realizar 254 trilhões de operações por segundo.

E a Volvo será a primeira fabricante de automóveis com presença global a utilizar esse sistema da Nvidia. Ele será utilizado nos modelos de nova geração da companhia sueca, que utilizarão a plataforma modular SPA2. De acordo com a montadora, o primeiro carro a utilizar os recursos será a próxima geração do SUV grande XC90.

“Acreditamos na parceria com as principais empresas de tecnologia do mundo para construir os melhores Volvos possíveis”, afirma Henrik Green, vice-presidente sênior de tecnologia da Volvo Cars. “Com a ajuda da tecnologia Nvidia Drive Orin, podemos levar a segurança para o próximo nível em nossa próxima geração de carros.”

Uso do Nvidia Drive Orin

Segundo a Volvo, a ideia é adicionar o sistema desenvolvido pela Nvidia em seu computador de direção autônoma. Ele vai funcionar junto com o software criado pela própria fabricante sueca, e também como um sistema de backup para direção e frenagem dos veículos.

Toda essa capacidade de processamento da plataforma Drive Orin faz com que seja viável a utilização dos conjuntos de sensores avançados. Eles são necessários para o funcionamento da tecnologia de condução autônoma. Uma delas é a LiDAR, feita por outra parceira da Volvo, a Luminar.

A Volvo diz que a arquitetura SPA2 já está preparada para receber todo esse hardware de condução autônoma desde o início de sua produção. Dessa forma, o recurso de direção Highway Pilot, que funciona sem supervisão, será ativado de modo automático quando notar que é seguro entrar em funcionamento. Porém, isso só será feito em localizações e condições geográficas específicas.