Vai viajar nas férias? Veja dicas de revisão para o sistema de freios

Notícias 11 de dezembro de 2018 Da Redação 0

Por ser um período de férias, muitos motoristas aproveitam o final do ano para viajarem com seus carros. Antes de pegar a estrada, é recomendável revisar o sistema de freios. Um dos itens mais importantes de segurança do veículo, ele é composto por componentes, como as pastilhas, discos, sapata e fluido de freio.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas para cuidar melhor de seu veículo? Assine nossa newsletter neste link.

“O sistema de freios deve ser incluído na revisão antes das férias, pois, até mesmo o desgaste natural dos componentes pode provocar graves acidentes. Por isso, o ideal é verificar se todas as peças estão em boas condições” afirma o supervisor técnico da TMD Friction do Brasil, Rodrigo Abolis Gimenez.

Revisão sistema de freios

Os componentes devem ser checados conforme a periodicidade recomendada pelo fabricante ou quando alguma das peças apresentarem desgaste ou quebra. Importante lembrar que o uso constante dos freios resulta no desgaste natural. Por isso é tão importante verificar as condições das peças antes de pegar a estrada.

O nível de fluido de freio também merece atenção. Caso esteja abaixo do nível no reservatório, uma luz acenderá no painel do veículo, sinalizando que há algo errado.

LEIA MAIS: Recall: Volkswagen Gol e Voyage são chamados por problema no cinto de segurança

Porsche Macan S é lançado com novo motor de 354 cv

Não existe uma quilometragem única e fixa para todos os carros em que as peças dos freios devam ser trocadas. Isso varia muito de carro para carro, varia conforme o estilo de dirigir de cada pessoa, onde o carro roda, entre outros fatores.

Componentes

Conheça alguns componentes do sistema de freios e entenda como deve ser feita a revisão.

Fluido de freio

Caso esteja abaixo do nível máximo, indica desgaste natural das pastilhas de freio ou até mesmo vazamento. Como ele jamais deve ser completado, é normal trabalhar entre o nível máximo e mínimo. Se estiver próximo do mínimo, é necessário uma inspeção no sistema. A troca do fluido deve ser feita de acordo com o tempo recomendado pelo fabricante do veículo.

Pastilhas de freio

Elas são as responsáveis pela ação necessária para parar o movimento de rotação das rodas do veículo. Sem as pastilhas, o veículo não freia. Por isso, antes de viajar, é recomendável verificar se não estão desgastadas ou com algum ruído estranho.

Discos de freio

Durante a frenagem, o eles suportam altas temperaturas e esforços mecânicos extremos. O uso de discos de freio com espessura abaixo da mínima especificada pelo fabricante do veículo pode ocasionar problemas, como superaquecimento, empenamentos, trinca ou até mesmo quebra.

Na galeria, veja os veículos testados pelo Garagem360.