Teto solar, rodas e central: veja acessórios que desvalorizam os carros

Notícias 17 de janeiro de 2019 Da Redação 0

Alguns acessórios deixam o carro mais bonito e funcional, mas podem contribuir com a redução do valor de revenda do veículo. A KBB Brasil, especialista em preços de automóveis novos e usados, analisou o potencial de valorização e desvalorização de opcionais oferecidos por montadoras e concessionárias.

LEIA MAIS: Itens e acessórios veiculares que foram superados pelo tempo
Clube dos “diferentões”: veja alguns carros estilizados

Acessórios que desvalorizam os carros

Segundo a empresa, é possível identificar três comportamentos de mercado:

Equipamentos que desvalorizam junto com o veículo

Nesse segmento, são destacados equipamentos mais fáceis de serem encontrados em veículos, principalmente aqueles que podem integram o carro no momento da compra. Esses itens possuem maior demanda no mercado e, portanto, apresentam o mesmo comportamento de desvalorização que seu carro base. Esse comportamento pode ser observado tanto em versões mais completas quanto em equipamentos opcionais.

Equipamentos que desvalorizam mais rápido que o veículo

A categoria se refere aos itens menos procurados, como acessórios estéticos e esportivos. Esses equipamentos costumam desvalorizar mais rápido que o próprio veículo quando analisados individualmente, não interferindo no valor do carro em questão depois de um tempo. Por esse motivo, séries especiais, limitadas, exclusivas ou esportivas sofrem maior desvalorização ao longo do tempo.

Equipamentos que desvalorizam o veículo

Para esse segmento em questão são destacados os veículos que não possuem determinado equipamento que é considerado básico por seus consumidores atualmente. Um bom exemplo são os carros que não contam com direção hidráulica ou elétrica.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas para cuidar melhor de seu veículo? Assine nossa newsletter neste link.

Na galeria, veja exemplos de acessórios que podem influenciar no valor de revenda dos carros: