Suzuki Jimny 2022 recebe novidades e custa mais de R$ 100 mil

O Suzuki Jimny 2022 foi anunciado pela marca japonesa nesta sexta-feira (5). Entretanto, as novidades são da geração anterior do jipinho, que segue sendo produzida no Brasil, na planta de Catalão (GO). O modelo mais novo, chamado de Jimny Sierra no mercado brasileiro, não foi afetado pelas mudanças.

Suzuki Jimny 2022: novidades

As novidades são discretas, mas mexem no visual do modelo. Todas as configurações passaram a ter o aviso de cinto de segurança desafivelado. Já o modelo 4All passou a ter um novo tecido que reveste os bancos.

As versões 4Sport e 4Sport Forest ganharam novas rodas pintadas na cor grafite, um skid plate novo e uma pintura em preto no para-choque dianteiro. Na traseira, agora há um acabamento em grafite na parte inferior da tampa do porta-malas e um friso lateral novo. Internamente, as versões ganharam detalhes no painel central na cor da carroceria.

LEIA MAIS: Testamos: Fiat Toro Ranch agrada pelo visual e surpreende ao volante

Novo SUV da Fiat será revelado em maio como prêmio do BBB

Com a nova linha, o Jimny tem preços entre R$ 100.990 e R$ 119.990. O motor segue o mesmo em todas as versões, sendo o 1,3l a gasolina de 85 cv (a 6 mil rpm) com torque máximo de 11,2 kgfm (a 4.100 kgfm), assim como a transmissão, que é manual de cinco marchas em todas as configurações.

O sistema de tração também não sofreu alterações. Trata-se do mesmo 4×4 com seletor por botão. É possível utilizá-lo no modo 2WD, com tração traseira e para o uso urbano, 4WD com tração nas quatro rodas e 4WD-L, modo de tração reduzida que dobra o torque para vencer os obstáculos off-road. 

Preços

  • Jimny 4Work – R$ 100.990;
  • Jimny 4All – R$ 104.990;
  • Jimny 4Sport – R$ 112.990;
  • Jimny 4Sport Forest -R$ 119.990.

Leo Alves
Leo AlvesJornalista formado na Universidade Metodista de São Paulo e participante do curso livre de Jornalismo Automotivo da Faculdade Cásper Líbero, sou apaixonado por carros desde que me conheço por gente. Já escrevi sobre tecnologia, turismo e futebol, mas o meu coração é impulsionado por motores e quatro rodas (embora goste muito de aviação também). Já estive na mesma sala que Lewis Hamilton, conversei com Rubens Barrichello e entrevistei Christian Fittipaldi.
Veja mais ›
Fechar