Tags

Notícias

Sexta-feira é o dia com mais acidentes em São Paulo; homens são os maiores responsáveis

Créditos: Foto: -Jeffrey- via Visual hunt / CC BY-ND

Segundo levantamento feito pelo Grupo Segurador Banco do Brasil e Mapfre, sexta-feira é o dia com o maior número de acidentes em São Paulo. Os dados levam em consideração o número de atendimentos realizados pelo Posto de Atendimento Rápido Especializado (P.A.R.E.), no período entre julho de 2016 e junho de 2017.

LEIA MAIS: Acidentes fatais: 85% dos veículos envolvidos possuem multas

Programa lista perfil dos acidentes de trânsito de São Paulo

Das 17,9 mil colisões ocorridas na cidade, 17,10% aconteceram na sexta-feira, revelando o dia com maior incidência. A quinta-feira ficou com o segundo lugar do ranking, com 15,44% dos dados. Os demais dias úteis apresentaram leve decréscimo de diferença entre si, sendo que a quarta-feira concentrou 15% das batidas, seguida pela segunda-feira, com 14,77%, e a terça-feira com 14,26% dos registros.

Aos finais de semana os números caem e o sábado detém 13,26% dos incidentes. O domingo ficou com 10,16% dos casos.

O horário foi outro ponto analisado pelo relatório que revelou a maior incidência no período da tarde, com 38,58% dos casos. Pela manhã, ocorreram 29,56% dos registros, enquanto o período noturno ficou com 26,55% das colisões. A madrugada teve o menor apontamento, com 5,30%.

Homens lideram

Outro ponto analisado foi o do perfil dos motoristas. Os homens são responsáveis pela maioria dos acidentes, concentrando 79,35% das batidas. Já as mulheres estiveram em apenas 20,65 % das batidas.

Já a faixa etária que mais se envolve colisões é a que vai dos 27 aos 36 anos, se envolvendo em 30,06% dos acidentes. Em seguida vem os condutores de 37 a 46 anos, com 25,36%. Logo atrás estão os motoristas de 47 a 56 anos, com 16,10% de participação. Por último, estão os mais jovens (até 26 anos), tendo 14,64% de registros. Os menores incidentes ocorreram entre os motoristas de 57 a 67 anos, com 10,23% dos acidentes, e a partir dos 68 anos, com 3,62%.

Newsletter

Receba com exclusividade nossos conteúdos e o e-book com dicas para cuidar melhor de seu veículo.