Revisões do Nissan Leaf custam 30% a menos que as de um carro a combustão

Notícias 23 de agosto de 2019 Da Redação, com assessoria 0

Além de ser um veículo zero emissões, o Nissan Leaf pode ser mais econômico que um modelo convencional na hora da manutenção. Somadas as revisões obrigatórias feitas na rede autorizada da marca até os 60 mil km, o elétrico totaliza um valor bem mais baixo que um veículo movido a combustão. Em todas essas seis revisões, o proprietário desembolsará R$ 2.404 (com mão de obra inclusa em todas), que é pelo menos 30% menor em relação a carros movidos a combustão de porte médio.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas para cuidar melhor de seu veículo? Assine nossa newsletter neste link.

Revisões do Nissan Leaf

Como é um carro que não tem as engrenagens comuns de um veículo movido a combustão, o Leaf tem uma manutenção diferenciada, que inclui a inspeção das portas de carregamento e dos rotores e um relatório do uso da bateria. Claro que itens importantes para qualquer tipo de veículo também são revisados, como pastilhas e componentes do freio (para folgas, curso e operações livres), fechaduras, sistema de suspensão, dobradiças e trincos.

LEIA MAIS: Saiba quais são os carros populares mais roubados do Brasil

Testamos: Toyota Yaris XLS é uma das opções mais racionais do segmento

Em algumas das revisões são trocados itens como filtro de ar-condicionado e fluído de freio e são feitas inspeções e verificações de sistemas do veículo.

Na galeria, confira alguns dos modelos eletrificados que já rodam no Brasil.