Recall: Fiat convoca mais de 200 mil carros por defeito em relés

NotíciasRecall 29 de junho de 2018 Da Redação, com assessoria 0

A Fiat anunciou um recall envolvendo 223.034 unidades no Brasil. Proprietários dos veículos Uno, Argo, Mobi e Toro em todas as suas versões, ano modelo 2018 e 2019, Grand Siena versões 1.0 e 1.4, ano modelo 2018 e 2019, Strada na versão 1.4, ano modelo 2017 e 2018, Palio Weekend e Fiorino na versão 1.4, ano modelo 2018, precisam comparecer em uma concessionária para a substituição dos relés dos sistemas de ignição e injeção de combustível dos veículos.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas para cuidar melhor de seu veículo? Assine nossa newsletter neste link.

Segundo a montadora, foi detectado que a falha pode interferir no funcionamento do motor. Em casos extremos, pode acontecer o desligamento inesperado, o que pode gerar acidentes.

LEIA MAIS: Recall: Ford Ranger tem mais de 35 mil unidades convocadas por causa dos airbags mortais

Recall: Ford Ranger tem mais de 35 mil unidades convocadas por causa dos airbags mortais

A falha pode ser detectada pela luz-espia da bateria no quadro de instrumentos do veículo. Porém, mesmo que ela esteja apagada, a recomendação da fabricante é que o proprietário agende a visita em uma concessionária para que o carro seja analisado. O tempo estimado de reparo é de aproximadamente 30 minutos. Porém, é necessário que a visita seja agendada previamente.

Mais informações podem ser obtidas no site da montadora e na Central de Serviços ao Cliente Fiat, pelo telefone 0800 707 1000.

Unidades envolvidas

Confira abaixo todos os modelos que estão envolvidos no recall.

VEÍCULO ANO/MODELO CHASSIS (NÃO
SEQUENCIAIS)
UNIDADES ENVOLVIDAS
Uno 2018 e 2019 814974 a 835992 14.150
Argo 2018 e 2019 H20145 a H82351 44.125
Mobi 2018 e 2019 493776 a 558183 43.696
Toro 2018 e 2019 B40604 a C01788 48.900
Grand Siena 2018 e 2019 340455 a 359006 15.807
Strada 2017 e 2018 181519 a 246187 46.167
Palio Weekend 2018 099712 a 103166 504
Fiorino 2018 085164 a 107200 9.685

Nenhum comentário até agora.

Seja o primeiro a comentar.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *