Peugeot 208 Active 2021: equipamentos da versão automática de entrada

Muitos motoristas consideram o câmbio automático bastante prático, principalmente quem dirige nas grandes cidades. O Peugeot 208 Active é o modelo mais barato da marca francesa que traz mais conforto para o seu pé esquerdo. Custando quase R$ 75 mil, a segunda geração do veículo pode surpreender por conta do design e seu conteúdo.

Peugeot 208 Active 2021

Fabricado na Argentina, ele não é um dos hatches compactos mais vendidos do País. De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (FENABRAVE), foram comercializadas 778 unidades no mês de março. Mesmo assim possui suas qualidades.

Na linha 2021, a versão Active está custando a partir de R$ 74.990. Ela está posicionada entre a versão de entrada Like Pack e a Active Pack.

Debaixo do capô, ela traz o motor 1.6 16v EC5 Flex, com potência máxima de 115 cv (gasolina) ou 118 cv (etanol) a 5.750 rpm. O torque máximo é de 151,5 Nm (gasolina) ou 151,8 Nm. A transmissão automática é o de seis velocidades e quatro modos de condução.

Foto: Divulgação/Peugeot

De acordo com a montadora francesa, sua velocidade máxima é de 190 km/h e ele pode acelerar de 0 a 100 km/h em 12,6 segundos usando gasolina (ou 12 segundos com etanol).

Apesar de um desenho diferente, alguns pontos não podem agradar, como o porta-malas de 265 litros (um dos menores da categoria). O Argo 1.8, por exemplo, é um pouco mais completo, maior e custa quase que o mesmo.

Equipamento de série

O pacote de itens de série do 208 Active 2021 vai muito além do câmbio. Ele oferece um conteúdo bastante interessante e bom acabamento.

Pensando na segurança de todos a bordo, o carro da Peugeot oferece quatro airbags, freios ABS e REF, programa eletrônico de estabilidade, cinto de segurança de três pontos, regulador de velocidade, sistema de auxilio de partida em subidas, limpador e desembaçador traseiro e luzes de direção diurna (DRL) .

Foto: Divulgação/Peugeot

Por dentro, o ar-condicionado digital e a central multimídia de sete polegadas são os principais destaques da versão. Além disso, ele vem com painel com revestimento “Carbon”, volante dianteiro reduzido (Sport Drive), bancos de tecido, piloto automático, computador de bordo, chave tipo canivete, direção elétrica, banco do motorista com regulagem de altura, vidros e travas elétricas. entradas USB e volante com regulagem de altura (e profundidade).

Enquanto isso, são oferecidos três pacotes de opcionais: o Power Of Security (R$ 1.590), Power of Style (R$ 1.190) e Power of Tech (R$ 1.090).

Consumo

Para quem roda nas grandes cidades, o 208 pode ser uma boa opção. Segundo dados divulgados pelo Inmetro, ele faz 10,9 km/l (gasolina) e 7,5 km/l (etanol) na cidade. Já em trecho de estrada, ele roda 13,1 km/l (gasolina) e 9 km/l (etanol).