Novo Ford Focus: todos os detalhes do hatch que pode não vir para o Brasil

Notícias 12 de abril de 2018 Leo Alves 0

Após muito mistério, o novo Ford Focus foi revelado oficialmente pela montadora. A quarta geração traz um design mais arredondado que o do modelo que é vendido atualmente no Brasil. Porém, há muitas semelhanças com o novo Fiesta europeu, como as lanternas horizontais e o desenho frontal. No velho continente, ele será vendido nas carrocerias hatch e perua. Porém, há grandes riscos dele não vir para o Brasil.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas para cuidar melhor de seu veículo? Assine nossa newsletter neste link.

Isso porque as vendas do segmento está em baixa. Com a popularização dos SUVs, os hatches e sedãs médios estão perdendo espaço nas terras tupiniquins. Já as peruas estão praticamente extintas, então mesmo que o novo Ford Focus cruze o Atlântico, a station deve ficar somente para os europeus.

Nova plataforma

O Focus utiliza a nova plataforma C2 da Ford. Ele ganhou alguns centímetros nas medidas, mas não cresceu muito. Com 4,37 m de comprimento, ele só é 1 cm maior que o atual. Já o entre-eixos foi para 2,70 m – seis a mais que a terceira geração. Isso significa que o modelo recém-lançado pode ter mais espaço para as pernas dos ocupantes.

LEIA MAIS: Novo Ford Ecosport é chamado para recall por problema no motor

Gosto duvidoso: veja acessórios polêmicos utilizados nos automóveis

A segurança também não foi deixada de lado. Chamado de Ford Co-Pilot360, o sistema tem detectores que identificam a presença de ciclistas ou pedestres, frenagem automática de emergência e consegue até realizar uma baliza sozinho.

Motores a gasolina e diesel

Sob o capô, o hatch conta com propulsores de 1,0l e 1,5l. No primeiro caso, a potência varia entre 85 cv, 100 cv e 125 cv. Já as opções de maior cilindrada podem ter 150 cv e 182 cv. Neste caso, sempre movidos a gasolina. Porém, há também opções a diesel na Europa. O 1,5l EcoBlue tem opções de 95 cv e 120 cv, enquanto que o 2,0l EcoBlue tem 150 cv.

Por lá, o polêmico câmbio Powershift foi descontinuado. Em seu lugar, há transmissões manuais de seis marchas ou automáticas de oito marchas.

Na galeria, veja todos os detalhes.

 
 
<
>