Moobie celebra atuação em mais de 50 cidades no estado de São Paulo

Notícias 16 de março de 2018 Da Redação, com assessoria 0

A Moobie, plataforma de compartilhamento de carros, comemora a chegada de suas operações em mais de 50 cidades no Estado de São Paulo. O número foi conquistado com menos de um ano de operações. Municípios como São Paulo, Campinas, Jundiaí,  São José dos Campos, Sorocaba e a região do Grande ABC, já contam com veículos disponíveis para locação.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas para cuidar melhor de seu veículo? Assine nossa newsletter neste link.

Hoje, a empresa já conta com mais de 60 mil usuários cadastrados na plataforma e uma disponibilidade de milhares de veículos dos mais variados tipos e modelos. Do outro lado, muita gente que estava com o carro parado na garagem, ou que utilizava apenas ocasionalmente, já consegue fazer uma renda extra, pagar os impostos relativos aos veículos e até mesmo as prestações do carro financiado.

LEIA MAIS: Confira veículos gêmeos que rodam no Brasil e no mundo

10 fatos sobre pneus que todo motorista deveria saber

“Criamos cada vez mais facilidades para que este ecossistema tão promissor, nos quais as próprias pessoas estão empoderadas de seus bens e desejos, possam tomar as melhores decisões sobre como usar e se beneficiar das facilidades de ter um bem, otimizar seu uso e ainda contribuir para um mundo com mais possibilidades e menos poluição”, comemora Tamy Lin (foto), CEO da Moobie.

Como se inscrever

A locação acontece de Pessoa para Pessoa (P2P) por meio de um app intuitivo e prático. O condutor que precisa de um carro, cadastra o cartão de crédito e a CNH pelo celular, que é avaliada pela empresa quanto à validade e regularização, além de outros critérios que garantem a segurança da comunidade. O veículo também passa por uma validação na qual são verificados a situação junto ao Detran/Denatran, vigência do seguro e critérios de elegibilidade. O automóvel precisar ter no máximo 10 anos de uso e menos que 100 mil km rodados para ser aceito.

Depois de cadastrado, o interessado acessa o app para buscar o veículo disponível mais indicado à sua necessidade em um mapa de localização, onde pode verificar preço e solicitar a reserva. Do outro lado, o dono visualiza o pedido e tem autonomia para aceitar ou não a reserva na data especificada, de acordo com sua disponibilidade. O pagamento é feito no ato da confirmação da reserva, sem que nenhuma das partes tenha que se preocupar com os detalhes da transação financeira, já que a gestão é toda da empresa.

No ato da entrega das chaves, é realizado um check in no próprio app e na devolução é feito checkout via celular. O carro deve ser devolvido nas mesmas condições em que foi entregue, limpo e abastecido. Caso haja infração ou acidente durante a locação, há processos preestabelecidos. O número da habilitação do usuário fica registrado e o carro está segurado durante todo período de locação. Se houver sinistro, a seguradora da Moobie é a responsável e não a do proprietário. E se houver infração, os pontos vão para o usuário, não para o dono do carro.

Na galeria, veja quais carros fizeram sucesso nos últimos 50 anos.

 
 
<
>