Memória: relembre a primeira vitória de Senna nas ruas de Mônaco

Notícias 25 de setembro de 2019 Leo Alves 0

No dia 31 de maio de 1987, Ayrton Senna conquistava a primeira de suas seis vitórias em Mônaco. O brasileiro levou sua Lotus amarela ao lugar mais alto do pódio após largar na segunda colocação. Em um ano que a Williams foi muito forte, o inglês Nigel Mansell foi o pole naquela edição, com Senna largando em segundo. Nelson Piquet, que se sagraria tricampeão naquela temporada, largou em terceiro.

LEIA MAIS: Argo, o novo hatch da Fiat, é lançado; veja detalhes do modelo que deve brigar com Onix e HB20

Artigo: Carros comuns estão com dias contados

No início, Mansell se manteve na liderança do pelotão. O “leão” comandou a corrida até a volta 30, quando um problema no turbo de seu motor Honda fez com que o ele abandonasse a prova. Senna herdou o primeiro lugar e disparou na ponta. (Aliás, por falar em Mônaco, pegue seu Sportingbet, bônus de boas-vindas aqui).

Após 78 voltas, Ayrton cruzou a linha de chegada em primeiro, conquistando sua primeira vitória na temporada. Piquet ficou em segundo com sua Williams, completando a dobradinha brasileira. Michele Alboreto completou o pódio em terceiro, com sua Ferrari.

Legado

Senna iniciava ali seu domínio em Mônaco. Em 1988, ele foi o pole e liderava a corrida com quase um minuto de vantagem para Prost. Após um erro na entrada do Túnel, sua McLaren-Honda acertou o muro e ele abandonou enraivecido. Depois disso, ninguém mais parou o brasileiro, que venceu consecutivamente de 1989 a 1993, sendo o maior vencedor da prova até hoje. (Caso queira entrar no espírito de Monaco, entre em Bet365 apostas online e se divirta.)

As vitórias de Ayrton no principado foram tão marcantes que até hoje existem referências ao piloto na região. A coleção de carros do Príncipe Rainier III, que é aberta ao público, possui um memorial ao piloto, com um capacete e um pequeno altar.

Confira abaixo (ou clicando aqui) um resumo dos melhores momentos da primeira vitória de Senna em Mônaco.

Nenhum comentário até agora.

Seja o primeiro a comentar.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *