Mais segurança nas estradas: ZF apresenta conjunto de tecnologias inteligentes

Entenda como novas tecnologias podem aprimorar a segurança nas estradas para caminhões e ônibus
Entenda como novas tecnologias podem aprimorar a segurança nas estradas para caminhões e ônibus (Foto: Pixabay)

A empresa disponibiliza para o mercado da América do Sul um portfólio de produtos que aumenta exponencialmente a segurança nas estradas do país para caminhões e ônibus, entenda como funciona.

Entenda como novas tecnologias podem aprimorar a segurança nas estradas para caminhões e ônibus
Entenda como novas tecnologias podem aprimorar a segurança nas estradas para caminhões e ônibus (Foto: Divulgação)

Conheça tecnologias desenvolvidas para aprimorar segurança nas estradas

De acordo com relatório da Confederação Nacional do Transporte (CNT), publicado em 2019, aproximadamente 20% dos acidentes rodoviários no Brasil envolvem caminhões.

Além disso, cerca de 43% das mortes nas estradas brasileiras ocorrem com acidentes envolvendo caminhões. Ainda segundo o estudo da CNT, colisões representam 68% dos acidentes rodoviários com vítimas no País.

VEJA TAMBÉM

Com isso, visando reduzir os percentuais citados, a ZF conta com uma linha de produtos desenvolvidos para aumentar a segurança nas estradas. Os produtos da Linha de Dinâmica Veicular contribuem para reduzir substancialmente esses preocupantes índices nas malhas rodoviárias do Brasil.

Em relação às soluções de freios, o portfólio reúne sistemas avançados de ABS com Controle de Estabilidade, que no curto prazo serão mandatórios para todos os veículos produzidos pelas montadoras.

Outro sistema, o EBS ou Sistema Eletrônico de Frenagem, integra diversas funções do sistema de freios em um sistema eletrônico.

As vantagens do controle eletrônico são a otimização do tempo de resposta e a redução na distância de parada, resultando em uma elevada segurança nas estradas.

Segundo Silvio Furtado, Diretor de Soluções para Veículos Comerciais e Tecnologia Industrial na ZF América do Sul, os produtos se destacam principalmente devido à inteligência que está embutida em seus sistemas, comandados pelas ECUs (Electronics Control Units) ou Módulos Eletrônicos de Controle.

“Nosso sistema conta com diversos sensores que captam dados do comportamento do veículo e do motorista. Essas informações são analisadas pelo módulo eletrônico, e identificam, por exemplo, se a velocidade que o veículo está entrando em uma curva é segura para aquele trecho específico da pista.

Caso necessário, o módulo envia comandos para os componentes do sistema, que atuam ajudando a controlar a velocidade e o movimento do caminhão ou ônibus”.

Entenda como novas tecnologias podem aprimorar a segurança nas estradas para caminhões e ônibus
Tecnologias são desenvolvidas para reduzir o número de acidentes envolvendo caminhões e ônibus (Foto: Divulgação)

Os Sistemas Avançados de Assistência ao Motorista (ADAS) são traduzidos como Sistemas Avançados de Assistência ao Motorista. Trata-se de um conjunto de itens de altíssima tecnologia capazes de suportar o motorista e propiciar uma condução mais segura.

OnGuardMAX atua por meio de radares e câmeras

O OnGuardMAX é um sistema de ADAS que funciona por meio de radarescâmeras, sensores e softwares que conseguem detectar a presença de pessoas, animais ou objetos perigosos no meio da estrada.

Se o motorista não tomar nenhuma atitude para evitar o acidente iminente, o OnGuardMAX inicia, de maneira autônoma, a frenagem de emergência, podendo parar o veículo por completo para ajudar a prevenir um acidente.

“São, sem dúvida nenhuma, soluções capazes de salvar muitas vidas nas estradas brasileiras, onde veículos comerciais, infelizmente, ainda se envolvem em um número alarmante de acidentes, em grande parte das vezes causados por erros humanos”, diz Silvio.

O sistema OnGuardMAX também conta com outros recursos de assistência ao motorista como o LDW (Lane Departure Warning ou Aviso de Saída de Pista), que avisa imediatamente o motorista caso ele saia da sua pista por fatores como distração ou sonolência.

Integração com o motorista

A redução no risco de acidentes com veículos comerciais pode ocorrer porque as tecnologias atuam de maneira altamente integrada com o trabalho do motorista, captando informações e identificando riscos em um sistema de monitoramento de 360 graus ao redor do veículo comercial, incluindo a carreta.

Além de diminuir a chance de acidentes fatais nas estradas, os produtos ajudam as empresas de transporte rodoviário a evitar gastos com a reparação dos veículos em casos de colisões menos graves e prejuízos com o tempo em que o veículo fica parado para conserto.

Entenda como novas tecnologias podem aprimorar a segurança nas estradas para caminhões e ônibus
Intenção é promover uma integração entre máquina e motorista (Foto: Divulgação)

O que você achou? Siga @sitegaragem360 no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Nicole Santana
Nicole SantanaJornalista e especialista em comunicação empresarial, com bagagem de mais de três anos atuando ativamente no setor automotivo e premiada em 2016 por melhor reportagem jornalística através do concurso da Auto Informe. Atualmente dedica-se à redação do portal Garagem 360, produzindo notícias, testes e conteúdo multimídia sobre o universo automobilístico.
ASSISTA AGORA
×

Mais veloz que esses carros? Apenas as notícias que traremos até você!

Cadastre-se na nossa newsletter e além de ficar por dentro de todos lançamentos, você também será o primeiro a ser notificado dos nossos testes e outras noticias incríveis por e-mail!
Veja mais ›
Fechar