Tags

Notícias

Ford faz testes em laboratório com temperatura polar

Créditos: Foto: Divulgação
20 novembro, 2015
Rodrigo Loureiro

Ambiente é adaptado para proporcionar até 40ºC negativos e ventos de mais de 200 km/h

Foto: Divulgação
climate-chamber-04
Temperatura chega a 40ºC negativos em laboratório da Ford nos Estados Unidos

Há um lugar em Michigan, nos Estados Unidos, em que a temperatura atinge os 40ºC negativos e os ventos chegam a até 200 km/h. Trata-se do laboratório da Ford na cidade de Allen Park. Lá, são realizados inúmeros testes para que sejam estudados os efeitos das condições climáticas extremas nos automóveis da marca.

Para simular a velocidade dos ventos polares, a estrutura é equipada com um túnel capaz de produzir ventos intensos. O local também permite que a temperatura seja ajustada para desérticos 50ºC. Outro recurso instalado é um medidor que compara os resultados de testes dos veículos em qualquer época do ano e com as mais diversas condições climáticas proporcionadas.

Assim, os engenheiros contratados pela empresa monitoram o ambiente para observar como as condições criadas afetam a entrada de ar do motor, o eventual congelamento de junções e as partes do veículo que acumulam neve. As avaliações são complementadas por rodagens reais na neve na Península de Michigan, próximo à fronteira com o Canadá.

Newsletter

Receba com exclusividade nossos conteúdos e o e-book com dicas para cuidar melhor de seu veículo.