Crise do Uber: motoristas seguem insatisfeitos mesmo com novas regras da empresa

Crise do Uber: motoristas seguem insatisfeito mesmo com novas regras da empresa
(Foto: G1)

O mês de março e abril foram marcados por manifestações de motoristas de transportes por aplicativo, como da Uber, 99 e outros. Os motivos? Os trabalhares parceiros reclamam das taxas cobradas pelos aplicativos, falta de segurança, entre outros – conforme noticiamos aqui no Garagem360. A crise do Uber, 99 e outros app’s parece estar longe o fim.

Por exemplo, ainda neste mês, as empresas adotaram novas medida para tentar beneficiar os motoristas parceiros. Mas, para estes profissionais, a insatisfação segue e novas regras não melhoraram as condições de trabalho. Saiba mais a seguir.

Crise do Uber: motoristas seguem insatisfeito mesmo com novas regras da empresa
Foto: Rolando Garrido/Unsplash.com

Novas medidas não são eficazes, alegam motoristas

De acordo com a Agência Brasil e a Uber, no começo deste mês, a empresa de transporte por aplicativo passou a mostrar, em mais cidades, os detalhes da viagem solicitada antes mesmo de ela ser aceita. Com isso, é possível que o motorista veja o destino exato da corrida e os valores a receber.

VEJA TAMBÉM

Para o presidente da Associação dos Motoristas de Aplicativos de São Paulo, Eduardo Lima, essa ferramenta é boa também para os passageiros, já que diminui o número de cancelamentos. Por outro lado, os motoristas reclamam ainda de prejuízos.

Por exemplo, os motoristas de app dizem que este novo modelo de tarifa não prevê o tempo parado no trânsito nem eventuais desvios de rota – o que não supre as necessidades dos profissionais e não evita prejuízos.

Para a Agência Brasil, Hugo Felipe Ribeiro, motorista do aplicativo há 6 anos em São Paulo, relatou, no início deste mês, que percebeu um aumento na retenção da taxa do aplicativo.

Crise do Uber: motoristas seguem insatisfeito mesmo com novas regras da empresa
(Foto: Pixabay.com)

Crise do Uber: empresa se manifesta

Já por meio de nota, a Uber respondeu que as reclamações de que há aumento no valor da tarifa quando ocorre alterações significativas na rota da viagem e de que houve mudança na taxa de serviço cobrada pelo aplicativo não procedem.

Segundo a empresa, essa taxa não é fixa desde 2018. Dessa forma, a empresa pode usar melhor essa variável em descontos aos usuários.

O impasse, então, continua…

Como se proteger do "golpe das autoescolas" para tirar ou renovar a CNH
Os 8 golpes mais aplicados nos postos de combustível. (Ilustrativa)

 

Fonte: Agência Brasil (EBC)

O que você achou? Siga @sitegaragem360 no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Erica Franco
Erica FrancoJornalista por formação com mais de 15 anos de experiência em redação geral e automobilística. Passagens pelo caderno "Máquina e Moto" do Jornal Agora São Paulo, Folha online, Jovem Pan, Uol, Mil Milhas, Revista Consumidor Moderno, Portal No Varejo, entre outros. Atualmente dedica-se a função de editora do portal Garagem360, apurando notícias do universo automotivo e garantindo o padrão de qualidade dos conteúdos veiculados.
ASSISTA AGORA
×

Mais veloz que esses carros? Apenas as notícias que traremos até você!

Cadastre-se na nossa newsletter e além de ficar por dentro de todos lançamentos, você também será o primeiro a ser notificado dos nossos testes e outras noticias incríveis por e-mail!
Veja mais ›
Fechar