Tags

Notícias

Conheça a forma correta de transportar a bicicleta no carro

Créditos: wonderferret via Visual Hunt / CC BY
27 janeiro, 2017
Da Redação, com assessoria

Transportar uma bike que não esteja devidamente acondicionada ou afivelada da forma correta pode ferir os ocupantes no caso de um acidente – além de multa e pontuação na CNH. O CESVI Brasil (Centro de Experimentação e Segurança Viária), empresa do Grupo Mapfre, produziu um boletim técnico que ensina como transportar bicicletas da forma correta.

Dentro do veículo, lembre-se sempre de prender rodas, garfo e quadro da bicicleta. Se for transportá-la montada, amarre-a bem. Como normalmente ela é colocada com o banco traseiro do veículo rebaixado, a bicicleta deve ser fixada de maneira que, em caso de colisão, não se desprenda e atinja os ocupantes dos bancos da frente.

Já quando a bicicleta é colocada em suportes fora do veículo, as recomendações são outras.
Se utilizar suportes de teto, verifique a altura total do conjunto (veículo + suporte + bicicleta) para não se enroscar em placas de sinalização, garagens e outros obstáculos. Além da questão da segurança, a ação pode danificar o teto do carro.

Para suportes na traseira do veículo, não é permitido cobrir a placa e as luzes da lanterna. O suporte também não pode ultrapassar a largura do veículo. Em relação a isso, é possível desmontar alguma parte da bicicleta para que não ultrapasse o limite da largura. No caso de estar cobrindo os faróis ou a placa do carro, instale lanternas e placa sobressalentes, que devem ficar presas ao suporte. A placa não precisa estar fixada ao veículo, pode ficar no suporte mesmo – o importante é que seja facilmente visualizada.

 

Newsletter

Receba com exclusividade nossos conteúdos e o e-book com dicas para cuidar melhor de seu veículo.