Chegou a hora de mudarmos a maneira de conduzir o automóvel, entenda o tema

Veja como novas formas de conduzir o veículo pode ajudar na economia de combustível
Veja como novas formas de conduzir o veículo pode ajudar na economia de combustível (Foto: Pixabay)

A cada nova atualização, os carros ficam mais econômicos e eficientes, o que visa a redução de emissão de poluentes. No entanto, a forma de conduzir o automóvel, também pode influenciar, entenda os detalhes.

Veja como novas formas de conduzir o veículo pode ajudar na economia de combustível
Veja como novas formas de conduzir o veículo pode ajudar na economia de combustível (Foto: Pixabay)

Maneira de conduzir o veículo influencia na emissão de poluentes bem como o consumo de combustível

Guiar de maneira econômica nunca foi tão importante. Já é comprovado  que a redução das emissões de poluentes tem relação direta com a maneira com a qual se conduz o automóvel.

O tema foi assunto no podcast Muito Além de Rodas e Motores, que explica que guiar de forma inteligente, suave e sem variações proporciona menor consumo de combustível e, consequentemente, menos emissões.

VEJA TAMBÉM

Dessa forma, não adianta ter um carro mais econômico se o condutor dirige de maneira “gastona”. A ação também serve inclusive para veículos híbridos e totalmente elétricos.

Neste caso, o resultado não impactará nos gases emitidos, mas sim em maior consumo de energia elétrica, o que também não é benéfico para a sociedade.

Ou seja, tendo em vista a alta frequente dos combustíveis, nunca foi tão necessário mudar a maneira de conduzir o automóvel.

Quais práticas adotar para dirigir de maneira eficiente?

A nova postura requer muita atenção, observação das reações do carro e, também, do andamento do trânsito.

Além disso, trata-se de uma mudança que pode ser sempre aprimorada. Com treino e hábito, é possível conduzir o carro e consumir cada vez menos combustível, bem como emitir menos poluentes.

A maioria dos novos veículos tem o conhecido computador de bordo que informa no painel os consumos instantâneo e médio, o que torna a tarefa bem mais fácil.

Basta observar o aumento e/ou diminuição do consumo instantâneo quando se tira ou “aperta” o pedal do acelerador e ver o resultado no consumo médio.

A prática mostrará ao condutor que a sutileza está diretamente ligada aos melhores resultados. Quanto mais suave e menos bruscamente se pisa no acelerador, mais eficiente e sustentável o carro será.

Ao notar que o trânsito à frente parou, o ideal é “aliviar” o pé do acelerador e deixar o carro “rolar” até o momento da parada.

Ao estar em uma situação de anda-e-para, não adianta acelerar energicamente e depois frear forte. O mais indicado é sair suavemente, pois logo será necessário parar novamente.

Veja como novas formas de conduzir o veículo pode ajudar na economia de combustível
Durante o trânsito, o recomendado é andar de forma suava (Foto: Pixabay)

Novas práticas de conduzir o veículo podem gerar economia ao fim do mês

Para método de comparação, a cada quilômetro por litro que a média de consumo sobe, a economia em reais pode chegar a 12% ou mais de R$ 40 por tanque.

Em um automóvel com reservatório de combustível de 50 litros, gasta-se, em média, R$ 350 para abastecer, ao levar em consideração o preço médio da gasolina de R$ 7.

O mesmo irá gerar uma autonomia de 400 km (com média de 8 km/l). Neste caso, cada quilômetro rodado custa 0,87 centavos de real.

No entanto, ao adotar novas práticas que permitam realizar um consumo médio de 9 km/l, os mesmos R$ 350 reais permitirão rodar 450 km e o gasto por km percorrido cairá para 77,8 centavos de real, 12% menor.

Ao fim do mês, a economia pode ser de R$ 150 para quem roda mil km durante o período. Mas pode chegar a R$ 300 para quem gasta um tanque por semana.

Veja como novas formas de conduzir o veículo pode ajudar na economia de combustível
Novas práticas podem gerar economia de combustível (Foto: Pixabay)

Com informações: Muito além de rodas e motores

 

 

O que você achou? Siga @sitegaragem360 no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Nicole Santana
Nicole SantanaJornalista e especialista em comunicação empresarial, com bagagem de mais de três anos atuando ativamente no setor automotivo e premiada em 2016 por melhor reportagem jornalística através do concurso da Auto Informe. Atualmente dedica-se à redação do portal Garagem 360, produzindo notícias, testes e conteúdo multimídia sobre o universo automobilístico.
ASSISTA AGORA
×

Mais veloz que esses carros? Apenas as notícias que traremos até você!

Cadastre-se na nossa newsletter e além de ficar por dentro de todos lançamentos, você também será o primeiro a ser notificado dos nossos testes e outras noticias incríveis por e-mail!
Veja mais ›
Fechar