Carros autônomos: FCA e BMW vão desenvolver plataforma juntas

Notícias 17 de agosto de 2017 Da Redação, com assessoria 0

Em julho de 2016, o BMW Group, a Intel e a Mobileye anunciaram que estavam juntando forças para transformar os veículos autônomos em realidade, colaborando para levar soluções de condução altamente automatizada (Nível 3) e condução totalmente automatizada (Nível 4/5) para produção até 2021. Recentemente, o grupo FCA entrou para o projeto. O objetivo é ajudar na criação de uma plataforma que poderá ser usada por várias fabricantes de automóveis ao redor do mundo.

LEIA MAIS: Artigo: seguro automotivo deve mudar com chegada de carros autônomos
Veículos autônomos podem reduzir em 90% o número de acidentes, diz estudo

“O futuro do transporte depende dos líderes da indústria automotiva e tecnológica trabalhando juntos para desenvolver uma arquitetura escalável que as montadoras de todo o mundo possam adotar e personalizar”, disse Brian Krzanich, CEO da Intel. “Estamos empolgados em receber a contribuição da FCA, que nos aproxima de fornecer os veículos autônomos mais seguros do mundo”.

O desenvolvimento da plataforma autônoma deve se beneficiar dos dados e aprendizados da recém-anunciada frota de 100 veículos de teste Nível 4 da Mobileye. A intenção é usar todo o conhecimento das montadoras e empresas de tecnologia parceiras para colocar 40 veículos autônomos em testes nas ruas até o final de 2017.

Na galeria, conheça os carros autônomos testados ao redor do mundo:

 
 
  • Veículos utilizados no programa AVA
<
>