Tags

Notícias

Carro PcD: o que é e quem tem direito ao automóvel

Créditos: Pixabay
12 dezembro, 2019
Da Redação

No geral, a sigla PcD é utilizada para determinar que um emprego, uma vaga, um produto ou um negócio é voltado para pessoas com deficiência. Mas, no caso da compra de um carro, isso é ainda mais abrangente, já que problemas de mobilidade de outros gêneros também entram nesse quesito, bem como algumas outras doenças que não são classificadas com a sigla, mas que prejudicam o motorista de se movimentar no carro.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas para cuidar melhor de seu veículo? Assine nossa newsletter neste link.

Carro PcD: quem tem direito

Nem sempre o motorista precisa ser classificado como pessoa com deficiência para realizar a compra. Em algumas situações, ele pode ser o responsável por alguma pessoa que tenha deficiência e, dessa forma, também pode pertencer ao grupo de aquisição de veículos.

Doenças como o câncer de mama podem qualificar uma cliente para adquirir seu carro dessa forma, bem como fibrose cística, lordose e linfomas com sequelas físicas. Cardiopatia, tendinite grave, e bursite são alguns outros exemplos.

Paralisias físicas e cerebrais, síndrome de down, problemas congênitos, deficiência mentais, neurológicas, e Parkinson também integram a lista.

LEIA MAIS: Honda anuncia campanha para HR-V PcD
Volkswagen anuncia T-Cross PcD por R$ 69.990

Vantagens do carro PcD

Os benefícios na compra do veículo para PcD pode chegar até 30% de descontos na compra do carro, além de isenção de IPI, ICMS e IPVA. As concessionárias, em conjunto com as montadoras, também permitem que a compra seja parcelada ou financiada e receba taxa zero.

Passos para conseguir um carro PcD

  1. Leve até qualquer concessionária seus documentos e laudo médico;
  2. Você será encaminhado para a clínica do Detran para laudo;
  3. Eles também te encaminharão para a autoescola para iniciar procedimento de troca de carteira de habilitação;
  4. Com a CNH e o laudo do Detran retorne à empresa parceira para abrir solicitação de isenção do IPI e ICMS no governo. Nesse momento já é necessário escolher uma marca de carro para o qual seu processo ficará vinculado;
  5. Com IPI e ICMS aprovados, será solicitado o carro na fábrica e isso gerará a fatura do carro;
  6. Com a fatura requere-se a isenção do IPVA;
  7. Este carro ficará alienado a você pelo período de dois anos, podendo ser trocado somente após esse período;
  8. Caso queira trocar a marca do carro, todo o processo deverá ser realizado novamente.

Guia de carros PcD

A seguir, veja os principais carros que atendem a este perfil:

Newsletter

Receba com exclusividade nossos conteúdos e o e-book com dicas para cuidar melhor de seu veículo.